Antípodas da Ingenuidade

Antípodas-da-Ingenuidade-paulo-delgado

Quem ama não examina o amor, quem age não medita sobre a ação: se estudo meu próximo é que ele deixou de sê-lo… O crédulo que avalia sua fé acaba por colocar Deus na balança e só salvaguarda seu fervor por medo de perdê-lo…. Quem divulga os motivos dos seus sentimentos e seus atos os liquida na explicação. É que só há vida na falta de atenção à vida.

(Breviário em Decomposição. Homenagem aos 100 anos de nascimento de E.M.Cioran)

Paulo Delgado
Paulo Delgado
Sociólogo, Pós-Graduado em Ciência Política, Professor Universitário, Deputado Constituinte em 1988, exerceu mandatos federais até 2011. Consultor Independente de Empresas e Instituições nas Áreas de Política, Educação e Trabalho, escreve para os jornais O Estado de S. Paulo, Estado de Minas, O Globo e Correio Braziliense.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *